Você está aqui:
16ª Expoepi já tem recorde no número de trabalhos inscritos para mostra competitiva

16ª Expoepi já tem recorde no número de trabalhos inscritos para mostra competitiva

A 16ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doenças (Expoepi) alcançou nesta edição um recorde de experiências e trabalhos inscritos para concorrerem às premiações. Foram ao todo 1.185 submissões nas áreas que compõem a vigilância, de todas as regiões do país, que estarão concorrendo a prêmios que podem chegar a 50 mil reais.

A mostra competitiva é dividida em três modalidades. A primeira delas é voltada para premiar experiências bem-sucedidas dos serviços de saúde implementadas pelos estados e municípios e que contribuíram para o aprimoramento das ações de vigilância em saúde. Podem ser relacionadas, por exemplo, ao enfrentamento da mortalidade materna e infantil ou de doenças negligenciadas, como malária e leishmaniose. A segunda modalidade envolverá os profissionais que atuam no SUS e que desenvolveram trabalhos científicos em pós-graduação em prol de ações em vigilância em saúde. A terceira modalidade é voltada a movimentos sociais que desenvolveram ações para vigilância, prevenção e controle de doenças e de agravos de interesse da saúde pública. Serão premiados os três primeiros lugares de cada modalidade.

A maioria dos trabalhos foram inscritos na modalidade I, com 933 candidaturas. Em seguida, a modalidade II teve 222 trabalhos inscritos e por fim, a modalidade III teve 30 inscrições.

As experiências e trabalhos selecionados representam o SUS que vem dando certo na área da vigilância em saúde e podem inspirar o desenvolvimento de outras experiências exitosas que podem contribuir com a consolidação do SUS no país.

Acesse aqui a lista dos selecionados para a mostra competitiva e para a sessões de pôsteres.